quarta-feira, 30 de novembro de 2016

Autores parceiros do blog - F. J. Siqueira

O mês de novembro se foi mas eu não poderia deixar de contar pra vocês as nossas novidades. Sim o blog estabeleceu novas parcerias super bacanas com autores nacionais e em breve vocês estarão vendo resenhas dos seus livros por aqui. Mas por hoje bora conhecer melhor um deles?

Livro Eu, Kadu
Na atualidade, onde está em voga “ser gay”, surge na contramão a visão de Kadu, um adolescente de 17 anos que acredita ter sua orientação sexual guardada a sete chaves, julgando mantê-la sob total controle, porém o surgimento de uma paixão inesperada e avassaladora pelo melhor amigo, Matheus, um "carinha" extrovertido, sem papas na língua, enturmado e HÉTERO, levará Kadu a questionar suas próprias convicções, afinal ele já havia traçado um plano infalível para a sua vida: ser um homossexual enrustido, vivendo de falsas aparências a fim de não ter de enfrentar o preconceito e a intolerância do mundo em que vive...
Como se não bastasse a enxurrada de emoções e dúvidas que Kadu precisa enfrentar, sua irmã mais velha, Maria Clara, é abandonada pelo noivo dia antes do casamento; Brenda, a ex de Matheus, resolve elegê-lo como seu cúmplice para ajudá-la a reconquistar o namorado perdido, e Yuri, um rapaz que conheceu na internet, quer tentar algo além do sexo casual; sem contar que ainda precisa lidar com os descontroles emocionais de sua outra irmã e com a autoridade e prepotência da mãe, cujo um segredo bombástico ele acaba descobrindo por acidente.
Em um único dia, Kadu vai aprender que segredos e mentiras caem como castelos de areia quando menos se espera e que nem sempre a visão que temos de nós mesmos é aquela do mundo que transita ao nosso redor, e com isso, sem perceber, estará vivenciando os últimos instantes de delicadeza e ingenuidade de sua adolescência.

Adquira seu exemplar por apenas R$10,11 no site da Amazon
F. J. SiqueiraSempre escrevi, desde a minha adolescência _ hoje estou com 43 anos _, mas nunca tive a "coragem" de tentar publicar qualquer texto meu, apenas, então, disponibilizando-os para família e amigos, porém acredito que tenha chegado a hora de buscar novos horizontes com esta obra, “Eu, kadu”, cuja espinha dorsal trata da visão de um adolescente sobre sua orientação sexual e o mundo que o rodeia, sendo a narrativa realizada pelo próprio protagonista, na intenção de trazê-lo para bem perto do leitor, fazendo-o quase como um confidente de suas aventuras ou desventuras.

segunda-feira, 28 de novembro de 2016

Dia 06 - Semana Caçadora de estrelas - Entrevista

Dando continuidade a nossa Semana Especial Caçadora de Estrelas, hoje é dia de conhecer a mente criativa da responsável por essa história que está encantando tantos leitores. Venham conferir a entrevista que a Raiza Varella nos conta sobre o processo de escrita de "Caçadora de Estrelas", das sensações que sentiu e sobre a criação dos personagens...


Como surgiu a ideia para escrever "Caçadora de Estrelas"?
Uma amiga me contou uma história certo dia. Ela era bem diferente da que eu apresento em Caçadora, mas assim que ela terminou de falar Eva entrou na minha mente sem um convite arrastando o Gabs pela mão e exigiu que eu escrevesse a história dos dois. Fui ameaçada, e quem conhece a Eva sabe o tamanho do seu poder de persuasão rs.

Se inspirou em alguém conhecido para criar Eva e Gabriel? Se sim, em quem? 
Não, em ninguém. Não tenho o hábito de criar meus personagens me baseando em pessoas do meu convívio. Gosto que eles sejam eles mesmos, com suas manias, defeitos e qualidades e não copias de outras pessoas. Para mim eles são reais, existem e devem ser únicos cada um à sua maneira. 

Quanto tempo demorou para concluir a história?
Foi o livro que mais demorei para terminar. Quando iniciei o projeto estava grávida de 8 meses e parei por um tempo quando meu filho nasceu. Todo o processo durou cerca de 4 meses. 

Pensou em outras possibilidades de final ou quando começou já sabia como ia terminar?
Nunca existiu outra possibilidade de final. Quando iniciei já sabia como iria terminar e prometi para mim mesma que não mudaria de ideia, que iria até o fim com o que me propus a fazer. 

O quanto e o que Eva tem da Raiza?
Muito, eu acho. Eva tem a minha fome, minha tara por hambúrgueres e meu mau humor matinal. Não me acho a pessoa mais egoísta do planeja, mas tenho ciúmes das minhas pessoas, assim como ela.

Qual o trecho de Caçadora mais te emociona e o por quê?
Nossa, são muitos. Os momentos vividos compartilhados na praia, o pedido, o vestido na altura dos joelhos e muitos outros. Mas nenhum se compara aos “sete anos depois do fim”. Fico orgulhosa de ver a pessoa que a Eva se tornou, minha menina cresceu! 

Já conhecia a "Lenda da Estrela mais brilhante do céu" que aparece na narrativa ou ela é de sua autoria?
A lenda é de minha autoria. 

O que te fez escrever uma história nesse sentido, com esse tema?
Ela despencou nos meus pensamentos desse jeitinho. Eu brinco que não escolho a história que vou escrever ou mesmo como vou conta-la porque nunca tenho voz diante dos meus personagens. Suas histórias chegam prontas para serem escritas e por mais que eu queria mudar isso ou aquilo, são eles quem a conduzem. Os bichinhos têm vida própria rs.

Chorou em algum momento enquanto escrevia?
Não derramei uma lagrima sequer. Mas dois anos depois de ter terminado fiz uma última revisão para prepará-lo para chegar aos leitores e fiquei bem emotiva em algumas cenas, principalmente as que não existiam antes e escrevi de última hora. Então admito que reler essa história e ajustá-la depois de tê-la guardado tanto tempo na gaveta me emocionou bastante.

O que você quis passar para o leitor com a história?
Que devemos sempre viver o hoje e amar as pessoas que são importantes todos os dias. 

O que "Caçadora de Estrelas" significa pra você?
Eu amo cada um dos meus filhos literários, mas Caçadora é a menina dos meus olhos, meu pedacinho de amor em forma de palavras. Tudo e qualquer coisa boa que tenha dentro de mim estão nessas páginas. Sim, ele é meu projeto favorito, assim como Gabs é meu mocinho favorito. Que o Monstro não me escute, ele é bem ciumento! rs

Imaginou que teria a aceitação que está tendo?
Imaginei que os leitores iriam amar ou odiar a história, que não teria meio termo e acho que acabei acertando. Mas não imaginei que tantas pessoas fossem amar e que eu receberia tantos feedbacks positivos em tão pouco tempo. Foi uma grata surpresa e uma felicidade sem tamanho, porque meu amor por essa história é grande demais. Me emociono a cada recadinho, a cada palavra, a cada foto. Gratidão é a palavra.

O tema de "Caçadora de Estrelas" é pessoal pra você Viveu algo parecido?
Sim, eu vivi. Tenho as minhas duas estrelas brilhando por mim todas as noites de céu estrelado e essa história foi a melhor forma que encontrei para homenageá-las. 

*************************

E o especial de hoje termina aqui. Espero que tenham curtido o post. Lembrando que amanhã é o ultimo dia. E claro que será finalizado com chave de ouro.

domingo, 27 de novembro de 2016

Dia 05 - Semana Caçadora de estrelas - Personagens

A Semana Especial de Caçadora de Estrelas continua, e hoje iremos dar destaque aos personagens que aprendemos a amar e admirar durante a leitura.


Quando lemos uma história, temos a mania de imaginar uma tal pessoa como um certo personagem... E é claro que cada um idealiza o físico do seu personagem a sua maneira. O elenco dos personagens do post de hoje foi feito pela "criadora" deles, a escritora Raiza Varella.

Vamos conferir como a própria autora imagina seus "filhos literários"?


Eva é Blake Lively: A Eva é aquela personagem que nem é maluca (mentira! Ela é maluca sim!). Fã numero 1 de hambúrguer e Mc Donald's, tem pavor de baratas e algumas manias um pouco excêntricas. Sonha em encontrar um grande amor e sempre se empenha ao procurar por sua "estrela". Ela foi capaz de largar tudo pra trás por causa de um amor que não deu certo. Será que a Eva terá sorte em encontrar sua estrela? Será que ela precisa ir tão longe pra procurar, ou ele pode estar mais perto do que ela imagina?

Gabriel é Jensen Ackles: Muitos suspiros pra esse personagem (e pro Jensen também, é claro!) Gabriel é o melhor amigo da Eva e sempre esteve ao seu lado nas alegrias, nas tristezas, nas decepções amorosas protagonizadas pela Eva e em todos os momentos em que ela precisa dele. Ele é aquele amigo que muitas pessoas tem vontade de ter. Definitivamente o Gabs é um dos meus amores literários e será um personagem inesquecível pra mim.

Benjamim é Jared Padalecki: E o Bem vem pra finalizar esse elenco masculino bonito! Há muitos anos atrás, ele era amigo de Gabriel e Eva, mas acabou mudando-se para Londres e não mantiveram contato. De volta para Santos, litoral de São Paulo, o Bem quer mostrar que se tornou uma pessoa melhor e quem sabe voltar aquela época que já se perdeu.




É isso, pessoal! Espero que tenham gostado do elenco que a Raiza montou com tanto carinho. Afinal foram esses rostos que ela imaginou para os seus personagens enquanto escrevia.

E vocês imaginaram quem para ser os personagens? Vamos adorar saber a sua opinião.

Para adquirir o E-book de Caçadora de Estrelas CLIQUE AQUI!

sábado, 26 de novembro de 2016

Dia 04 - Semana Caçadora de estrelas - Playlist


Hoje o dia é especial, principalmente para a turma que adora um bom fundo musical e que ama acompanhar suas histórias com uma deliciosa trilha sonora.

Caçadora de Estrelas é um enredo que conta com uma Playlist tão especial e encantadora quanto a história. Ao ouvir as músicas conseguimos relembrar tudo o que vivemos e tudo o que esses personagens sentiram. É como ser transportado a tudo aquilo novamente. Para quem ainda não conhece a história poderá preparar o coração e ter ainda mais vontade de conhecer, e para quem já conhece será possível relembrar com carinho, algumas lágrimas e sorrisos dessa história de vida, amor e superação.



Confira alguns títulos da Playlist do Romance:

The One That Got Away – Katy Perry


Photograph – Ed Sheeran


Love Me Like You Do – Ellie Gouding


I Won’t Give Up – Jason Mraz


Céu Azul – Charlie Brow Jr.


Último Romance – Los Hermanos


Por Enquanto – Cassia Eller


Romântico Anônimo – Marcos & Belutti


Cuida Bem Dela – Henrique & Juliano


Fica – Luan Santana


Como não amar? Com certeza essa playlist diz muito sobre a história e realmente nos faz sentir tudo novamente e com a mesma intensidade. Então não percam mais tempo para conhecer essa história maravilhosa.

E quem quiser ouvir a Playlist completa é só acessar o link no Spotify ou pelo Youtube.

 

sexta-feira, 25 de novembro de 2016

Dia 03 - Semana Caçadora de estrelas - Quotes


Prontos para mais um pouquinho dessa história?

Hoje vamos apresentar para vocês alguns quotes e com certeza vocês irão ficar ainda mais querendo conhecera história.

Caçadora de Estrelas é aquela história com a dose certa de tudo, uma receita perfeita que inclui ingredientes prontos para nos fazer sorrir, chorar, nos emocionar e nos ensinar muitas coisas sobre a vida, o amor e sobre tudo o que vai dentro de nós.

Então se permitam viajar por essa história, conhecer esses personagens e sentir a essência de uma obra que irá ficar para sempre em nossos corações.






Apaixonante não?
Só de relembrar esses trechos eu já sinto saudades da história e quero relê-la. É amor demais por esses personagens e por tudo o que vivemos com eles.

E fiquem ligadinhos pois ainda não acabou, amanhã é dia de Playlist.

quinta-feira, 24 de novembro de 2016

Dia 02 - Semana Caçadora de estrelas - Apresentando a obra

Hoje será o primeiro dia para começar a conhecer essa história que é MEGA especial. Mas não se esqueçam precisam ficar ligadinhos acompanhando a semana para ficar por dentro de tudo. Teremos Quotes, curiosidades, playlist e muito mais.

Posso prometer a vocês que no final do nosso especial estarão caindo de amores por essas histórias e por seus personagens e estarão loucos para começar a leitura.

Então vamos lá?

Sinopse: Após flagrar o seu atual namorado com outro cara - não, você não leu errado - e constatar que o safado tinha um gosto para homens até melhor do que o seu, Eva se arrepende por ter abandonado a família, o gato, o emprego, os amigos e até e o país para segui-lo e decide que é hora de voltar para a casa, com o rabo entre as pernas, um mau humor feroz e sem um tostão no bolso. Mas ao contrário do que imaginou não é recebida com faixas e balões, muito menos com boas-vindas e sim com mais e mais azar - como se não bastasse todas as vezes em que foi traída, abandonada pelo circo ou roubada por alguma estrela errada -, seu irmão acabou com seu carro novo, seu pai se casou, ela ganhou duas quase irmãs indesejadas, seu melhor amigo roubou seu gato e ainda de quebra arrumou uma namorada.
Embora a vida em casa não esteja como deixou, Eva é obrigada a seguir em frente e lidar com a situação como uma mulher adulta. O que em seu dicionário quer dizer se embebedar, distribuir socos e grosserias a quem quer que esteja ao seu alcance e recuperar seu gato - a qualquer custo -, nem que para isso precise roubá-lo de volta. O que desconhece é que o destino iria lhe preparar uma surpresa, lhe oferecendo algo que não poderia ter, um amor proibido. Será ela corajosa o suficiente para lidar com mais um coração partido, mesmo que seja pela estrela mais brilhante do céu?



 Book Trailer 

Agora para vocês perceberem um pouquinho do que vem por aí com essa história e as emoções que ela irá nos fazer sentir, confiram a opinião de uma das leitoras que já conferiu!
Cinthia Freire
Hoje venho falar de uma história que mexeu comigo de uma forma muito especial.
Quando a Raiza Varella me pediu para fazer a leitura crítica de Caçadora eu já tinha uma idéia do que me esperava nas páginas daquele arquivo. Já sabia que viria chumbo grosso pela frente e acima de tudo sabia que poderia barganhar mudanças, afinal de contas era uma leitura critica.
Mas o que eu não sabia era o quanto esse livro mudaria minha forma de olhar a vida.
Caçadora de estrelas conta a história de um amor puro, aquele amor que nasce sem que a gente sinta, que se instala em nosso peito, que faz morada em nosso coração e quando menos se espera ele toma conta de tudo.
Isso é o que Gabriel ( Ah Gabriel... ) faz com a vida da egoísta, mimada, insuportável e chata Eva (sim eu odiei a Eva a principio).
Eva tem uma obsessão em encontrar o amor da sua vida e na ânsia de acertar ela erra feio. Tão feio que chega a ser cômico e é nesse ritmo de chick lit que Raíza nos apresenta essa história.
Antes de ler Caçadora só existia um livro que havia me feito chorar de tanto rir e depois de tanto sofrer e esse livro foi Perdida. Achei que isso nunca mais aconteceria... como fui tola.
Ri das tragédias amorosas de Eva, xinguei todas a suas próximas gerações, suspirei de amores por Gabs e me diverti com essa família maluca.
Os capítulos foram passando e o riso foi diminuindo, dando lugar a um apertinho no peito enquanto eu observava a transformação na vida dessa garota. E então ela encontrou... Não na verdade nós encontramos a estrela, porque ao finalizar a leitura percebi que eu também sou um pouco Eva. Todos nós somos. Enquanto estamos em uma corrida desenfreada em busca de encontrar aquilo que "achamos" ser o que nos faz felizes perdemos tempo e deixamos de perceber o que realmente tem valor.
Uma história linda sobre amor, família, descobertas e crescimento.
Mais uma das histórias que nos fazem encher o peito e dizer com orgulho MADE IN BRAZIL

Quanto a Eva?? Ela me ensinou que a vida as vezes não segue o rumo que desejamos, mas é ai que está a magia, se tudo fosse perfeito, jamais encontraríamos tempo para encontrar a nossa estrela ??

Cinthia Freire, também é autora.  Conheçam suas obras no SKOOB.


Pois é, por hoje é tudo o que vocês irão saber. Então fiquem ligadinhos que amanhã, e depois, e depois, tem mais! MUITO mais dessa história linda.

quarta-feira, 23 de novembro de 2016

Caçadora Blogs - Apresentando a autora e suas obras

Oi pessoal!
É sempre um prazer enorme quando fazemos uma Semana Especial, afinal é especial demais falar dos autores que mais amamos e admiramos, mais perfeito ainda é falar de suas histórias que tanto nos emocionam, modificam (sempre para melhor, claro) e que serão para sempre inesquecíveis em nossos corações.

Com Raíza Varella é assim. Ela tem o dom de nos fazer rir, chorar, emocionar, destruir nossos corações, pegar os pedacinhos dele e tentar reconstruir... Tudo isso em um virar de páginas.
Suas histórias são cheias de emoções, sensações, diversos sentimentos que parecem uma verdadeira avalanche dentro de nós.


Quem não gosta de histórias assim? Então se sua resposta é sim, você precisa conhecer as obras da Raíza, TODAS, sem exceção, mas nossa semana de hoje terá uma história em especial: Caçadora de Estrelas, uma das histórias da Rah que mais emocionou os leitores e nos ensinou muitas coisas. 

Então um pequeno aviso para você leitor: Se estiver pronto para chorar e ter o seu coração partido em mil pedaços em formato de estrelas, embarque nessa viagem, e se não estiver embarque mesmo assim, a autora promete uma consulta com a melhor psicóloga que já existiu, nossa amada Eva Donatella Marinho, a querida personagem de Caçadora de Estrelas.


Raiza Varella nasceu em São Paulo, Capital. É apaixonada por livros e animais quase tanto quanto é apaixonada por Supernatural, Dr. House e fast-food, quase! Tem preferência por finais felizes e ainda teima em acreditar em abóboras e fadas madrinhas, tanto que decidiu escrever seus próprios contos de fadas. O Garoto dos Olhos Azuis, seu romance de estreia, provou que ela tem a fórmula perfeita para mesclar comédia e romance no ponto certo para agradar do começo ao fim. Formada em Direito e fissurada por amores impossíveis, mora na cidade natal com o marido e o filho, um cão e uma gata dotados de personalidades próprias e muita criatividade para o mal.

SKOOB da autora
Autora no FACEBOOK
Grupo dos leitores no FACEBOOK


Os leitores que já conhecem a Raíza são unânimes, como bem dito na biografia da autora ela é "perfeita para mesclar comédia e romance no ponto certo para agradar do começo ao fim", só faltou dizer aí a parte da emoção, emoção essa que sempre leva um pedaço do nosso coração embora e nunca mais recuperamos. Seus personagens são cativantes e é impossível não se apaixonar por todos eles, mesmo quando queremos odiar alguns.

A Trilogia Encantados arrebentou de sucesso na bienal, os leitores que já conheciam não perderam a oportunidade de abraçar a autora e os que ainda não conheciam, se encantaram com obra e autora (com o perdão do trocadilho rs).

Os dois primeiros livros já foram lançados, o livro 3, O Garoto Que Eu Abandonei tem previsão para início do ano que vem, então aproveitem. É uma trilogia mas vocês podem ler de forma independente, não são continuação entre si, mas o legal é começar pelo O Garoto dos Olhos Azuis, pois em O Garoto Que Tinha Asas temos de volta também os personagens do primeiro livro, afinal essa família não poderia nos abandonar.

Enquanto Seus Pés Não Tocarem o Chão por enquanto está disponível no WattPad, e se vocês amam um romance mesclado com todos os ingredientes da Raíza, mais o adicional do mistério vão amar essa história, mas preparem os lencinhos. O Último Adeus é um conto disponível na Amazon e fará vocês conhecerem um pouquinho da escrita maravilhosa da Raíza.

E claro, finalmente a história que é o motivo (no momento pois a ideia é fazer vários especiais com todas essas histórias lindas) de nossa Semana Especial: Caçadora de Estrelas.

Mas como hoje é só a apresentação da autora e das outras obras, vocês terão só um "tira-gosto".

segunda-feira, 21 de novembro de 2016

Conto - O lampejo que trouxe a ruína

Hoje eu trago pra vocês um conto do autor Hermínio Neto publicado através da Amazon que se chama O lampejo que trouxe a ruína, vale a pena conferir!

 SINOPSE
Sociedade pós-singularidade, onde humanos não trabalham, só são sustentados por robôs, e de repente o sistema elétrico entra em colapso por um pulso magnético solar.


____ Avaliações feitas por outros leitores no site da Amazon: ____

Cliente Amazon - Surpreendente! Gosto dos contos futuristas, que nos fazem pensar em como a sociedade se organizará, com toda a tecnologia em vertiginoso crescimento.

Leandro Sauerbronn França - Conto futurista. Achei válida a ideia, principalmente para os jovens. Recomendo, leitura rápida e dinâmica merece um trabalho de continuação para breve.

Luís Parnaso - Adorei! O que falar desse e-book? É fantástica a forma como o autor desenvolve toda a trama nesse gênero, sou fã.

Adquira o seu por apenas R$1,99 no site da Amazon

domingo, 20 de novembro de 2016

Livro - A fórmula matemática de Bernardo e Jane



Vocês já conhecem o livro "A fórmula matemática de Bernardo e Jane"? Que tal conhecer um pouquinho mais do livro e da autora?


SINOPSE
Jane nunca se rendeu às convenções sociais. Por isso, seus bens mais preciosos são seu carro (restaurado por suas próprias mãos), sua guitarra (por ser mais portátil que o piano) e um caderno preto com todas suas músicas (às vezes) inacabadas.
Bernardo consegue ler pessoas como a palma de sua mão (ou a grande maioria, pelo menos). Mas sendo o jovem padawan que é, ele apenas usa seus poderes para o bem da força. Como para conseguir caronas, pequenos favores e cafés frescos, mesmo de atendentes mal-humorados.
Jane e Bernardo pertencem a mundos diferentes. Ele é a estrela da sala em popularidade e desempenho acadêmico. Jane... bom, ela é aquela garota que usa óculos escuros para disfarçar um cochilo ocasional entre uma aula e outra.
O que eles têm em comum?
Matemática.
Depois de dois anos dividindo a mesma sala de aula, eles finalmente trocam mais de duas palavras (além dos rudes olhares mortais de Jane – não eram pessoais, são apenas sua forma de lidar com o mundo). "Tomara que não se arrependa amanhã, garoto" disse Jane e, então, impediu que Bernardo se arrependesse. Esse foi o começo da história dos dois.
Não foi amor à primeira vista, tampouco à segunda. Foi amor aos poucos, aos detalhes. Amor que só pode ser resultado da fórmula perfeita... criada por Bernardo e Jane.

BIOGRAFIA DA AUTORA
Monique Miranda é entusiasta de diversas coisas, especialmente lutas, carros, séries e quadrinhos. Além de contar histórias que gostaria de ler, ela também é desenhista de marcador permanente em qualquer superfície lisa, navegadora profissional de Steam, mestre dos cookies macios por dentro e crocantes por fora. E leitora voraz. Sério. Ela come livros.
(Talvez o último item não seja totalmente verdade. Talvez.)

Compre o E-book na Amazon
Instagram | Tumblr | Site | Wattpad

sábado, 19 de novembro de 2016

Release - Emanuel entre lobos, Essência

“Emanuel entre Lobos – Essência” é o primeiro volume de II. Publicado pela editora Multifoco com o selo Desfecho romances.

O romance se passa entre o final do século 19 e metade do século 20.

A história é narrada por Emanuel nascido no Estado do Amazonas, aos treze anos descobre possuir uma maldição por ser o sétimo filho homem. Toda lua cheia Emanuel se transforma em um lobo com porte de urso. A licantropia cega seu caminho e, pôs lua cheia Emanuel é obrigado a recomeçar a vida sempre em um lugar distante de casa.

Essa vida amaldiçoada o colocará diante de pessoas, cujas acolheram e o amaram,ao longo dos anos o lobo solitário se tornará um excelente marceneiro e até um mecânico do renomado aeronauta Alberto Santos Dumont. No fim dos voos pela encantadora Paris Emanuel descobrirá que lobos não são domesticados e a sua raiva pelas perdas de memória o encorajará as guerrilhas. 

De volta ao Brasil para salvar alguém que ama Emanuel se colocará diante da Guerra do Contestado, confronto por posse de terras na fronteira entre Paraná e Santa Catarina, após sua queda e aos anos que não consomem sua juventude como um homem normal, outra guerra o atentará, e em 1944 se alistará na FEB (forças expedicionárias brasileiras), indo para a Segunda Guerra Mundial lutar contra o nazi-fascismo na Itália. 

Sobrevivente ao maior confronto da história o lobo solitário sente o peso da idade e se exila na fria Sibéria aonde viverá mais como lobo que como homem. Em seu retorno ao Brasil sua vida mudará ao conhecer Juliana uma jovem lisboeta, cujo parece tão perdida quanto o próprio lobo melancólico. E esse será só o início do recomeço para os dois.

BIOGRAFIA DO AUTOR
Charlie de oliveira ou Charlie rock como tenta ser chamado insistentemente é do Guarujá a ilha do dragão. Trabalha na área de Hotelaria, faz parte do Clube de escritores da sua cidade e ama ler desde que descobriu que livros são fantásticos. É autor do canal literário – Meu fantástico mundo de lugar nenhum. Aonde faz resenhas engraçadas dos livros que mais amou ter lido.

Adquira seu exemplar na loja da editora Multifoco


*Esse release foi disponibilizado pelo próprio autor

quinta-feira, 17 de novembro de 2016

Livro - A Tradição Arcana, do caos às travessias mágicas

Se você tem acompanhado o blog nesses últimos dias já sabe que está rolando o "Novembro Nacional" por aqui :) Nele eu estou reunindo nossos jovens talentos da literatura brasileira em posts sobre seus respectivos livros. Hoje eu venho apresentar "A tradição Arcana - Do caos às Travessias mágicas" do Marco de Moraes publicado pela PenDragon.

SINOPSE
Movido pela vontade de chegar à verdadeira causa da sua internação em um hospício, o jovem Augusto Ferreira encara uma jornada através dos limites da percepção.
Por meio do encontro com o enigmático Carlos, o jovem estudante de Física vê sua vida tomar novos rumos ao conhecer segredos da Tradição Arcana, legado milenar que proporciona aos seus adeptos a capacidade de interagir com fenômenos sobrenaturais como se fosse algo comum.
Fugas em alta velocidade, acontecimentos dos mais curiosos, aprendizados e descobertas são apenas alguns dos fatores que vão ajudar Augusto a desvendar os mistérios que envolvem o seu passado e as calamidades que vêm ocorrendo na cidade onde vive, até então inexplicáveis.



BIOGRAFIA DO AUTOR

Nascido no Rio de Janeiro, capital, Marco de Moraes encontrou seu amor pela escrita na adolescência, época em que escrevia durante os horários vagos. A partir de então, não parou de colocar no papel suas ideias e fantasias. Já participou de antologias de prosas, além de ter publicado o livro de fantasia medieval Presas, a dádiva da escuridão.


Perfil do autor no Facebook
Página do livro no Facebook
Adquira seu exemplar na loja PenDragon

quarta-feira, 16 de novembro de 2016

Divulgação: Cromossonhos

Hoje eu trago pra vocês o Prefácio do livro Cromossonhos do autor Emerson Sarmento publicado pela Penalux. Vocês podem adquirir o livro através do site da Editora.

Prefácio do livro
Acasos. Foram os acasos que me levaram a prefaciar meu segundo livro de poemas. Talvez seja a vida me pregando uma irônica peça e rindo maviosamente atrás de algum muro a me observar enquanto escolho as palavras certas, enquanto penso na receptividade para com os leitores nesta porta de entrada para o universo do Cromossonhos.

Quando passei a pensar neste livro – ainda sem título – quis expor aos leitores meu DNA poético, colocar para fora o que habita organicamente por dentro e além da minha epiderme, dar ordem na bagunça interna e organizar tudo no lado de fora para que fosse tudo compreensível ao tornar concreto meus devaneios, meus sentimentos, minhas angústias, meu eu político e filosófico.  Toda gestação desse desejo me levou a entender que com a poesia tudo isso seria possível.  Talvez essa necessidade quase que anatômica tenha merecido o nome escolhido ao título, um neologismo que faz referência ao cromossomo com a intenção de gerar minha própria sequência de DNA e vários genes, outras sequências de nucleotídeos desempenhando o mecanismo funcional das células do ser vivo – enquanto poeta. 

No meu primeiro livro Perfume do Sangue optei por me prender a métrica do soneto sobretudo por um gosto muito pessoal ao ritmo, à forma e à estética que tanto me chamam a atenção. Neste segundo livro não consegui e, na verdade, não quis sair das formas clássicas, não obstante, me aventurei além das formas fixas e pulei de paraquedas num laboratório que eu nem sabia que existia em mim e arrisquei os versos livres no intuito de compor meu próprio ritmo, minha própria identidade num gênero que outrora foi julgado "poema menor" no ponto de vista parnasiano.                                                                                                                  
Admito que também cultivei um certo preconceito com os versos livres até o momento em que me permiti conhecer mais a fundo as obras de Manuel Bandeira, Carlos Drummond de Andrade, Manoel de Barros e entre outros... eu pude perceber que a poética do verso livre também poderia ter poemas maiores, pois, não há facilidade alguma em criarmos nossa própria estética e nosso próprio ritmo, a forma clássica já está estabelecida é só colocar as palavras na fôrma. Não, não estou desmerecendo a forma primeira que me acolheu nas minhas andanças corriqueiras de poeta, apenas percebi outros caminhos que a poesia me proporcionou.

Tenho notado ao longo de minhas leituras alguns críticos da poesia clássica utilizar a premissa que geralmente as estruturas clássicas tem mais técnica e pouco sentimento, como aconteceu com o próprio Bandeira no poema "Sua santidade Paulo VI" um soneto encomendado por um Cardeal ao poeta para homenagear o Papa; as críticas apontadas foram exatamente essas, técnicas sem sentimento, como se a alma do poeta estivesse ausente na sua criação, como se fosse uma bela arquitetura sem a sua função primeira.

Eu, particularmente, nas formas clássicas, sempre busquei expor o "eu sou" porque para mim o sentimento é a base da construção de um poema, caso contrário, seria uma engenhoca sem substância, logo, sem funcionalidade. O "eu posso", é justamente a parte vazia do poema é lá que preencho as lacunas com minhas catarses, nunca utilizei o " eu posso" por carência de ego. O poeta precisa pisar em solos desconhecidos, jogar grãos e esperar um tempo para saber o que irá colher, por isso adoto o pensamento de Mário de Andrade quando diz que "o indivíduo sendo poeta de verdade, escreve por qualquer estética e a poesia sempre interessa".  

Cromossonhos, no aspecto estrutural, está entre o clássico e o moderno, já que sinto uma confortável harmonia numa mistura em que alguns críticos chamariam de "perda de unidade", mas não concordo.  Minha intenção foi justamente o contrário: abraçar dois mundos antagônicos e civilizá-los numa unidade onde cada qual exerce seus mecanismos em perfeita simetria.

Os grãos foram jogados em terras desconhecidas até então, agora preciso ter paciência e esperar os frutos desse cultivo. A poesia tem o poder de explorar o íntimo do ser humano, tem o poder de muitas vezes ser o refúgio da realidade catastrófica lá fora. Da janela espia-se os tormentos cotidianos na alma. A fuga é precisa, e é exatamente essa minha verdadeira intenção a partir das minhas impressões e sentimentos, receber a todos. Podem entrar! Ah, só um aviso: não precisam tirar os sapatos, fiquem à vontade e não na vontade! 

Gênero: Contos | ISBN: 978-85-5833-100-5 | Ano: 2016 | Formato: 14x21 | Páginas:  84 | Pólen Bold 90gr

terça-feira, 15 de novembro de 2016

Livro - A vadia

SINOPSE
Esta não é uma história de amor comum, destas que você está acostumado a ler. Existe a menina boazinha? Sim! O menino bonzinho? Sim! A menina invejosa que quer separar os dois? Claro! Então o que é que esse livro tem de tão especial? Você já vai descobrir.
Esta história não será contada por um narrador desconhecido, nem pelo casal apaixonado. Contrariando todas as expectativas dos românticos de plantão, quem contará a história será ela: A Vadia.
Apresentações não serão necessárias. Você já conhece A Vadia. A garota alta, loira, peituda e fútil. Ela é a rival, a arqui-inimiga da garota tímida e do bem por quem o cara se apaixona. A piranha que dá em cima do mocinho e que também abandona um namorado só porque ele é pobre.
Você já conhece esta trama. Mas deve saber que toda história tem dois lados. Você já conhece um. Agora vai conhecer o outro!

BIOGRAFIA DA AUTORA
"Eu já era escritora, antes mesmo de aprender a ler." 
Gislaine Oliveira é uma gaúcha nascida em outubro de 1993. Essa garota viu na literatura uma forma de salvar o mundo. Não apenas dos dragões ou das bruxas malvadas, mas também de todos os estereótipos e preconceitos presentes na sociedade. Desde que ela descobriu isso, vem lutando para proteger o mundo através das palavras.

Já disponível na Amazon

segunda-feira, 14 de novembro de 2016

Os guerreiros de Alquemena


Oi gente!!! Hoje é dia de divulgação no nosso Novembro Nacional e o livro de hoje é Os Guerreiros de Alquemena do autor Delson Neto. O livro está em pré-venda no site da Arwen e vocês podem adquiri-lo clicando Aqui.

 A SAGA
Os Guerreiros de Alquemena" é uma saga de fantasia e aventura épica ambientada em um universo criado pelo autor brasileiro Delson Neto aos seus 8 anos de idade como uma válvula de escape para a realidade. Os livros se passam no continente de Hallellujah, no planeta de Uthophya - ambos criados pela Chimera, a divindade Sopradora de Estrelas que existe desde o princípio do universo, junto aos Sete Deuses, tendo seu foco nas peculiaridades dos seres que lá habitam e na égide da Rainha Alquemena sobre os Sete Reinos que formam tais terras cheias de encantos, luz e trevas. O primeiro livro lançado (este pela Editora Arwen) - "Os Guerreiros de Alquemena: A Jornada de Lorenai" - traz o desenvolvimento da sétima e mais jovem Rainha Alquemena a ser coroada, Lorenai Valentine, que aos seus 16 Ciclos descobre que um passado obscuro levou sua mãe a sacrificar a si mesma na intenção de livrar o céu das temíveis rochas que o dominavam, estas vindas do inexplorado Abismo, uma região proibida desde que os primeiros Guerreiros de Alquemena livraram os Reinos dos seres que lá nasceram e causaram grande destruição aos Filhos da Chimera.
BIOGRAFIA DO AUTOR
Delson Gonçalves dos Santos Neto é um escritor, professor e também estudante de Artes Visuais pela
Faculdade de Artes do Paraná nascido no Brasil. Sua paixão por literatura e outras áreas da arte sempre esteve presente devido a presença e estímulo de sua mãe desde a infância. No ano de 2012 iniciou a graduação em Letras com ênfase em Português na Universidade Federal do Paraná, porém, não acreditou no curso como uma real fonte de inspiração, começando assim a graduação em Licenciatura em Artes Visuais no ano de 2013. Durante 2014, após engavetar diversos projetos literários, iniciou e concluiu em três meses aquele que viria a ser o seu primeiro livro. Em 2016 assinou contrato com a Editora Arwen, pela qual lançará então o seu primogênito livro de fantasia – “Os Guerreiros de Alquemena: A Jornada de Lorenai” que serve de prelúdio para a saga de mais seis volumes previstos, tal história teve seu cenário criado aos 8 anos pelo autor e desde então cresceu junto a ele. Amante da literatura infanto-juvenil mundial e do gênero de fantasia, Delson acredita no potencial dos autores nacionais e na força da escrita como uma geradora de mudanças. Costuma criar os seus universos para “enxergar a luz em meio às trevas”, transformando-os numa válvula de escape da realidade.



Compre com preço promocional de pré-venda! Por apenas R$28,90 no site da Arwen e ainda ganhe brindes (marcador e PDF de contos da saga).

domingo, 13 de novembro de 2016

Primeiras impressões - Borborema

Olá pessoal! Hoje eu trago pra vocês as primeiras impressões do mais recente livro da Letícia Godoy, autora de Deixe-me entrar, publicado pela Arwen

SINOPSE
Annabel é uma mulher fria e calculista, que fugiu do seu passado para a cidade grande e construiu uma vida "segura" e invejada por muitos. Sua intenção era nunca mais olhar para trás, porém um telefonema muda tudo e a obriga a voltar à Borborema, a fazenda de sua família.
Lá, ela terá que enfrentar muito mais do que inicialmente havia imaginado. Conflitos familiares, medos particulares, um assassinato que de alguma forma pode estar relacionado a ela e um homem que promete abalar as estruturas nada firmes de seu ser. 
Borborema promete envolver e encantar o leitor da primeira à última página.

Pra mim é uma honra poder dar minha opinião sobre esses primeiros capítulos do livro da Letícia, eu li seu romance Deixe-me entrar e me encantei com a escrita dela então meio que já tinha uma ideia do que esperar. Porém apesar de já conhecer o potencial dela me vi surpresa com o quão envolvente seu estilo de narrativa pode ser.

Em Deixe-me entrar, seu primeiro livro, ela criou uma protagonista adolescente um pouco irritante às vezes por conta da idade. Em Borborema esse cenário muda e nós temos uma mulher adulta muito madura e decidida como personagem principal (o que devo dizer me agradou demais!). Eu já amo a Annabel e vou protege-la!

A trama em si é super interessante e parte disso é por conta de a protagonista ser uma advogada de sucesso muito dedicada que acaba de vencer um caso difícil com grande maestria. Ela nutre um relacionamento de respeito mútuo e amizade com seu chefe e é muito profissional. Mas como em todas as boas histórias ela também tem um passado sombrio que atiça a curiosidade do leitor, e nesse caso é em relação a uma briga com sua família há 16 anos, por seus ideais pelo que eu pude perceber.

Estou muito ansiosa pra ter esse livro em mãos e continuar a leitura, a Letícia me ganhou por completo com esses primeiros capítulos e eu tenho certeza que estou diante de um romance de muito sucesso!

Adquira seu exemplar com preço promocional na pré-venda através do site da Arwen

sábado, 12 de novembro de 2016

Conheça a Editora Selo Jovem

A selo Jovem atualmente é uma empresa independente, atua no mercado do livro desde 2013 e já possuí gráfica própria, distribuição própria, salão comercial próprio, tornando-se rapidamente uma editora com base sólida e confiável. O catálogo conta com mais de 50 títulos publicados, entre eles dois livros em destaque com o selo best seller.


O objetivo da selo jovem é publicar obras com 100% de qualidade literária, sem pressa e trabalhando duro na revisão dos textos. Contam com ótimos profissionais desde; diagramadores, revisores, capistas, design e uma gráfica de qualidade.

A selo jovem foi fundada no mês de Março 2013, preparados para ingressar nesse mercado deram os primeiros passos e publicaram seus primeiros livros. Como toda empresa estreante tiveram problemas com preços, qualidade, e prazos. Mas jamais desistiram e continuaram trabalhando a fim de ganhar experiência e amadurecer a cada dia.

Hoje contam com 50 títulos publicados. Recentemente adquiriram gráfica própria e passaram a produzir os livros internamente. Seus profissionais obtiveram experiência e aprenderam a trabalhar de maneira simples e objetiva, estão constantemente contratando profissionais na área de revisão e buscando por novos trabalhadores nas áreas de marketing e traduções.

Além de um quadro profissional totalmente renovado, firmaram contrato com os correios e seus títulos recebem frete fixo para todo o território nacional. Seus livros possuem a mesma qualidade de outras editoras, todos os livros são costurados e colados, no papel pólen bold e soft, as capas são impressas em papel supremo e cartão triplex. Atualmente publicam livros nas medidas 14 x 21 cm, 16 x 23 cm e 12x 17 cm.

Apesar de novos no mercado São conhecedores das dificuldades encontradas no Brasil, tanto para escritor e Editor.